quarta-feira, 30 de junho de 2021

Artigo publicado: Beyond challenges and viral dance moves: TikTok as a vehicle for disinformation and fact-checking in Spain, Portugal, Brazil and the USA

Foi publicado hoje, o número 64 da Revista Anàlisi - Quaderns de Comunicació i Cultura, da Universidade Autônoma de Barcelona. A revista, que está indexada na base de dados Scopus conta com um artigo que participo, a partir do convite dos professores Pavel Sidorenko-Bautista, da Universidad Francisco de Vitoria e Nadia Alonso-López, da Universitat Politècnica de Valência.

O artigo, que pode ser acessado completo aqui, aborda a questão da desinformação no TikTok em quatro países: Espanha, Portugal, Brasil, e Estados Unidos. Para completar o estudo, fizemos entrevistas com Agências de Verificação de Fatos sobre o potencial espalhamento desse tipo de conteúdo nesta rede social maioritariamente acessada por jovens.

Resumo:

Este documento analisa a narrativa da desinformação divulgada através da rede social TikTok, uma rede popular a nível mundial e cujos utilizadores são principalmente jovens ou muito jovens. Para tal, foi realizado um estudo sobre o conteúdo de publicações sobre TikTok em quatro países com diferentes idiossincrasias e realidades nacionais: Espanha, Portugal, Brasil, e Estados Unidos. Foram também realizadas entrevistas com agências de verificação de factos sobre o potencial de desinformação e de verificação de factos sobre este potencial social rede. Os resultados sugerem que devido às suas características como uma rede visual fresca com conteúdo facilmente partilhável e viral, TikTok é uma rede que facilita a difusão da desinformação, mas que por sua vez é uma ferramenta para desmascarar boatos para além da gama de ação de meios convencionais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário