quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Carteira de Passagem não é obrigatória, segundo a Gendarmeria Nacional Argentina

Nos últimos dias circulou em São Borja uma informação da obrigatoriedade de se fazer uma Carteira de Passagem para adentrar na Argentina. O documento, de acordo com agentes da AFIP, apenas agiliza a passagem dos brasileiros para o país vizinho, mas que não é obrigatório seu porte.

O documento, que pode ser feito na Aduana de São Borja, junto ao pedágio da Mercovia, é apenas uma identificação de passageiro e veículo automotor, que visa dar agilidade ao processo na área de fronteira.

Os agentes ainda informaram que a carteira, mesmo que feita neste ano, terá validade apenas até dezembro, sendo obrigado a apresentar o documento de identidade a partir de Janeiro de 2014. Quem se dirigir a divisa com o documento nacional de identidade, documentos do veículo e a carta verde, poderá cruzar normalmente.

A Gendarmeria Nacional Argentina informa que essa medida da carteira é da década de 90 e que já vinha sendo expedida para quem procurava. Porém uma revisão nas normas fez com que ela fosse mais divulgada, porém, ressaltam que, sua apresentação não é obrigatória.

Nenhum comentário:

Postar um comentário