domingo, 19 de maio de 2013

Operação Ágata 7 que visa combater tráfico na fronteira foi realizada em São Borja

Carros foram revistados como forma de inibir os
crimes transfronteiriços

Começou neste sábado, 18 de maio, uma operação do Exército Brasileiro, que visa combater o tráfico nas fronteiras do Rio Grande do Sul. Com o apoio 2º Batalhão de Policiamento da Área de Fronteira, a operação quer bloquear o ingresso de drogas, armas e carnes provenientes dos países vizinhos.

“A operação começou neste sábado e não tem data para se encerrar. Ela acontece simultaneamente em vários pontos do Estado, sempre nas áreas de fronteira e conforme às ordens do comando, vamos agindo”, declarou o Tenente Félix, comandante da intervenção realizada aqui em São Borja.

Um grande movimento de veículos cruzou a fronteira neste sábado. A grande maioria foi revistada por membros do Exército Brasileiro tanto na ida para Santo Tomé, na Argentina, quanto na volta, chegando em São Borja.

A operação foi organizada e comandada pelo Exército Brasileiro, pois de acordo com a Constituição Nacional, Art. 17-A, inciso IV, da Lei Complementar nº 97, de 09 de junho de 1999 "Cabe ao Exército Brasileiro, além de outras ações pertinentes, [...]: IV - atuar, por meio de ações preventivas e repressivas, na faixa de fronteira terrestre, contra delitos transfronteiriços e ambientais, isoladamente ou em coordenação com outros órgãos do Poder Executivo, [...]."

Nenhum comentário:

Postar um comentário