sexta-feira, 17 de maio de 2013

Lucas Sperb: o brasileiro que vai à Nova York testar o Google Glass

Lucas será o primeiro brasileiro a ter em mãos o Google Glass
Foto: Divulgação/Baguete.com.br

Qual usuário da rede de computadores não sonha em conhecer a sede do Google? E mais, ganhar da empresa americana um de seus novos produtos? Lucas Sperb, um gaúcho de 18 anos, será o primeiro brasileiro a receber o Google Glass, os cobiçados - e por enquanto restritos - óculos de realidade aumentada do Google.

Sperb, atualmente é acadêmico de biomedicina na Feevale, em Novo Hamburgo, porém a ideia de participar do concurso surgiu quando ainda era acadêmico de Jornalismo, na UNIPAMPA, em São Borja. O aplicativo pensado por Lucas, para o Google Glass foi à criação de um software que mostra letras e cifras de músicas no visor dos óculos, uma mistura de karaokê e Guitar Hero da vida real em uma plataforma de realidade aumentada. 

“Ser escolhido é realmente ótimo, o Google é uma empresa que está sempre à frente, desenvolvendo tecnologias importantes e inovadoras, e que devem mudar totalmente a nossa forma de interagir com as ferramentas tecnológicas.”, disse Lucas.

Questionado pelo blog sobre a sensação de ser o único brasileiro entre os selecionados, Lucas disse que ficou muito feliz e que quase não acreditou na notícia, vinda de um e-mail do próprio Google. Lucas viajará para Nova York nos próximos meses, graças ao apoio da sua universidade. A Feevale, juntamente com o banco Santander vão custear a ida do brasileiro até a sede do Google.

Ansioso pela viagem e pelo encontro com os desenvolvedores do Google Glass, Lucas já prevê o futuro: “Os planos para o futuro são de desenvolver o aplicativo vencedor do concurso e abrir uma empresa de desenvolvimento especifico para a plataforma. Mas estes pontos ainda estão em análise, já que dependem de uma série de processos e investimentos os quais ainda estou verificando e buscando".

Os óculos do Google e o processo seletivo

O Project Glass é uma ideia inovadora proveniente do Google[x], divisão de criação da Google Inc. O projeto consistia em desenvolver um produto que entregue informações ao usuário de forma rápida e coerente, criando o mínimo de distração possível, possibilitando assim conexões mais humanas entre as pessoas.

Após algum tempo como protótipo exclusivo para o Google e seus parceiros, a empresa criou um concurso chamado #ifihadglass, visando selecionar projetos criativos e inovadores a serem desenvolvidos para esta nova plataforma. As pessoas selecionadas teriam acesso ao produto cerca de seis meses antes do lançamento ao publico geral, pois os aplicativos desenvolvidos por elas já estarão disponíveis na data oficial de inicio das vendas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário