segunda-feira, 29 de abril de 2013

Mãe confessa ter matado o filho recém-nascido em Santiago/RS

Um crime que ocorreu no dia 10 de Abril e veio à tona na noite deste domingo, chocou a cidade de Santiago. Em depoimento a Polícia Civil da cidade, Andriele R.T., confessou ter assassinado o filho recém nascido, o enrolou em um lençol, jogou no vaso sanitário e deu descarga.

Os policiais chegaram até ela após um grande número de denúncias anônimas recebidas pelo 197, telefone de emergência da Polícia Civil. A acusada estava em casa, na Rua Irandir Teixeira, no Bairro Missões.

Por considerarem a história incoerente, pois o bebê nasceu após os nove meses regulares de gestação, os policiais chegaram a fazer buscas em matagais e riachos próximos à casa, mas nada foi encontrado. A mãe fala com veemência que desconhece o paradeiro da criança. A Polícia Civil trabalha com a possibilidade do pai da criança, que não teve o nome divulgado, ter escondido o recém nascido.

Andriele poderá ser indiciada por infanticídio e seu marido por ocultação de cadáver, caso a Polícia Civil venha a comprovar suas suspeitas.

Informações: Rafael Nemitz




Nenhum comentário:

Postar um comentário