sábado, 27 de abril de 2013

Cais do Porto terá show de Dante Ramon Ledesma neste sábado

Dante Ramon Ledesma trará sua marca fronteiriça para
São Borja, em apresentação no Cais do Porto.
Foto: USA Discos/Divulgação

Dante Ramon Ledesma, o “brasileiro, argentino , castelhano e campesino” como ele mesmo se define em uma de suas canções, se apresenta na noite deste sábado, em São Borja. A apresentação patrocinada pelo Sistema Fecomércio-RS/Sesc, em parceria com a Sirtec Sistemas Elétricos começará às 20hs, no Cais do Porto.

Ledesma chegou ao Brasil em Abril de 1978. Veio para visitar e resolveu ficar. Na época, era vendedor de livros e aproveitou sua formação em Sociologia para, junto da venda, palestrar um pouco. A tiracolo, o parceiro era o violão e a música Orelhano, que abre essa postagem.

Dante Ramon Ledesma aprendeu a tocar, por primeiro e sozinho, o bombo-leguero, um instrumento de percussão originário da Argentina. Mais tarde, já em uma escola de artes, aprendeu a tocar violão. Sobre o canto, Dante declarou: “No colégio, os padres me ensinaram música sacra, canto gregoriano. Minhas técnicas vocais são gregorianas.” Daí vem a voz forte e impostada utilizada em suas apresentações.

Dante – como é conhecido pelos fãs e amigos – é um autêntico homem do pampa: nascido na pequena Rio Cuarto, nas proximidades da fronteira entre as províncias de Córdoba e La Pampa. Em segundo lugar, porque,como poucos, fez realmente de seu canto maneira de viver e cantar a vida, não só a sua mas a de todos nós, gaúchos, argentinos, brasileiros, latino-americanos  que cresceram ao som de “Orelhano”, “Negro da Gaita”, “O Grito dos Livres”, “A vitória do trigo” e tantas canções que ultrapassam os sotaques, os idiomas, os ritmos e as fronteiras.

A apresentação marca o encerramento da 2ª Semana Missioneira. A entrada é franca e ainda serão disponibilizadas água quente e erva-mate a cargo da Ervateira Bom Dia. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário